Serra virou uma ameaça à democracia

Ele parece ignorar que para tirar um partido do poder no Brasil de hoje basta ter mais votos.

O Lacerda moderno
O Lacerda moderno

Quando você imagina que Serra não pode descer mais baixo, ele sempre surpreende.

Veja um trecho de uma palestra sua num encontro do PPS:

“O Estado brasileiro foi capturado por um grupo em seu benefício. Esta força política, o PT não hesita, e não hesitará ,em enfraquecer a democracia brasileira para se fortalecer. É um grupo que se apropriou do poder no Brasil. Esta é a única lógica para entender o que acontece”, disse.

Durante o governo de João Goulart, políticos como Lacerda não disseram coisas tão pesadas assim para criar um ambiente propício ao Golpe de 64.

Serra é, ele sim, um ameaça real à democracia brasileira com este tipo de conduta irresponsável e deletéria.

Fossem outras as circunstâncias, e ele, como Lacerda há 50 anos, estaria rondando os quarteis e entabulando conversas com a CIA para destruir, como em 1964, a vontade expressa claramente e limpamente pelos brasileiros nas urnas.

Serra está parecendo aquele chefe de polícia da série Pantera Cor de Rosa: ele foi ficando com tanta raiva de Clouseau que pifou mentalmente. O Clouseau de Serra é o PT.

Serra está parecendo o chefe de Clouseu, que enlouqueceu de tanto ódio
Serra está parecendo o chefe de Clouseu, que enlouqueceu de tanto ódio

Como integrante da oposição, Serra tem todo o direito de querer tirar o PT do poder.

Mas para isso o caminho é as urnas, e não infames  falas golpistas como as pronunciadas na reunião do PPS. Ele se aproveita da democracia que lhe permite falar o que bem entende para tramar abjetamente contra ela.

Serra hoje não é um mal apenas para seu partido, que ele conduziu para a extrema direita sob a omissão preguiçosa de FHC.

Ele é um mal também para a democracia brasileira.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here